A visita do presidente Jair Bolsonaro ao Espírito Santo deve ser encerrada com um “grande evento” com apoiadores na Praça do Papa. A informação foi passada pelo deputado federal, Neucimar Fraga (PSD).

O parlamentar explicou que uma comissão foi formada na bancada capixaba, na Câmara dos Deputados, em Brasília, para acertar detalhes da visita que o presidente vai fazer ao Estado no dia 11 de junho.

Segundo Neucimar, a comissão é composta por ele e os deputados Soraya Manato (PSL) e Josias da Vitória (Cidadania), que aproveitaram um evento no Palácio do Planalto, na tarde desta quarta-feira (26), para conversar com o presidente sobre essa agenda em terras capixabas. Na sequência, os três parlamentares se reuniram com o chefe do cerimonial de Bolsonaro (sem partido), Marcos Sperandio.

“Estão previstos três momentos: evento em São Mateus, sobrevoo pelas obras do Contorno do Mestre Álvaro, na Serra e pela BR-447, que vai ligar Viana a Vila Velha, e encerrando com grande evento com apoiadores, na Praça do Papa, em Vitória”, revelou Neucimar.

Os detalhes desse evento ainda não foram divulgados.

Inicialmente, a previsão era de que o presidente desembarcasse no Aeroporto de Vitória, realizasse o sobrevoo pelas obras na Grande Vitória e, em seguida, fosse ao interior do Estado, onde visitaria Linhares e São Mateus, ambos municípios da região Norte.

Bolsonaro ainda pode passar por Linhares, na visita que deve ter duração de 4 horas. Isso vai depender da logística de transporte do presidente. Pela manhã, ele participa de um evento da Marinha, em Brasília, antes de embarcar com destino ao Espírito Santo.

“Não se sabe ainda se ele vai pousar em Linhares ou São Mateus”, explicou Neucimar, devido ao tipo de aeronave utilizada para transportar o presidente e sua equipe.

Caso o destino do pouso seja Linhares, Bolsonaro deve realizar algum evento no próprio aeroporto, antes de seguir para São Mateus, onde realiza a entrega de casas populares do programa “Casa Verde e Amarela”, antigo “Minha Casa, Minha Vida”, do governo federal.

A reportagem procurou o governo do Estado, diante da possibilidade da realização de evento com aglomeração, o que é proibido por decreto no Espírito Santo por conta da pandemia.

“O Governo do Estado não foi comunicado oficialmente sobre a vinda do Presidente da República”, informou o governo, em nota.

De acordo com Carlos Manato (PSL), o presidente deve subir em um trio elétrico para discursar junto com algumas autoridades.

"Bolsonaro chega às 14h, em São Mateus. Ele sai de helicóptero de lá às 16h, faz um sobrevoo pela BR101 para ver como estava situação dela, depois sobrevoa o Mestre Álvaro para ver as obras do contorno, sobrevoa BR-447 e vai para a Praça do Papa"

Ele pousa no Aeroporto de Vitória e vai em carro aberto até a Praça do Papa, onde vai ter um grande evento para encerrar a passagem dele pelo Estado.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem